Filas do 1º turno não devem se repetir neste domingo, estima TRE-RN

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

As extensas e demoradas filas enfrentadas pelos eleitores no primeiro turno das eleições, em 2 de outubro, não devem se repetir no próximo domingo (30), quando será realizado o segundo turno. A estimativa é do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN).

De acordo com Andréa Campos, coordenadora de Cadastro Eleitoral do TRE-RN, fatores como apenas uma tela de votação, candidatos definidos e conhecimento dos locais de votação vão contribuir para que as filas sejam curtas e breves.

Anúncios

“É apenas uma tela. Todo mundo já sabe onde vai votar. Não vai ter aquela coisa de ficar na fila errada. Já sabe em quem vai votar, só são apenas dois números. Acreditamos que vai ser bem rápido”, disse em entrevista ao vivo no RN No Ar, da TV Tropical, nesta sexta-feira (28).

Anúncios

De acordo com ela, diversos pontos causaram a demora no primeiro turno. “A questão das filas foi devido a vários fatores. A gente teve uma eleição geral com cinco telas de votação. Naturalmente, ela é mais demorada. Aliado a isso, muitos eleitores não levaram a cola para a cabine de votação. Então, demorou muito. Outro fato, na eleição passada, não tinha coleta de digital no terminal do mesário por causa da covid-19. Para essa eleição, foi obrigatório”, explicou.

“São várias etapas que precisam ser cumpridas e que ocasionaram demora na votação. Também tivemos a presença de muitos idosos. E o idoso, a pessoa com mobilidade reduzida demora um pouco mais, é natural. E como todo mundo queria voltar logo, a gente teve esse problema sério”, acrescentou.

A coordenadora destacou ainda que as regras do primeiro turno são mantidas para o segundo. “Nenhuma mudança. A regra da eleição está posta. Continua sem poder levar o celular para a cabine de votação. Pode levar até a seção. Mas esse celular vai ficar ao lado da cabine de votação”, orientou.

Outro ponto enfatizado por Andréa Campos diz respeito à propagando irregular no dia da eleição. “O eleitor não pode fazer propaganda nenhuma, mas pode ir votar com a camisa do seu candidato, bandeira, adesivo na roupa. Não tem problema. Não pode ele aglomerar no local de votação. Ou seja, várias pessoas da mesma ideologia partidária. Isso é crime no dia da eleição”, recomendou.

Ainda segundo ela, os eleitores que faltaram no primeiro turno podem votar neste domingo, mesmo que não tenha feito a justificativa da ausência. “s pessoas que não votaram no 1º turno podem votar no 2º turno desde que estivessem aptas a votar no 1º turno. Não há nenhum problema se ela não justificou a ausência. Pode votar normalmente”, esclareceu.

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*