Justiça determina prisão de professor potiguar acusado de praticar maus-tratos e cárcere contra própria mãe

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

O Ministério Público Estadual pediu e a Justiça concedeu a prisão preventiva de Jocelin de Lima Bezerra, 53 anos, suspeito de maltratar a própria mãe, de 77 anos, em Macaíba. O homem é professor do ensino médio e havia sido preso em flagrante na tarde desta terça-feira (4), por policiais civis da 20ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Macaíba).

A prisão ocorreu quando os policiais, atendendo denúncias anônimas, constataram que Jocelin mantinha a mãe em cárcere privado e sendo vítima de maus-tratos no bairro de Bela Vista. Cega, ela vivia confinada em um pequeno quarto, sem qualquer ventilação natural, iluminação e energia elétrica, dormindo em um colchonete de borracha e sendo forçada a se alimentar com as mãos.

Anúncios

De acordo com relatos dos policiais civis, a idosa foi encontrada despida e suja com os próprios excrementos fisiológicos, num cenário totalmente insalubre e inumano. Ela foi encaminhada, com apoio do CREAS de Macaíba, a um abrigo, na cidade de Ceará-Mirim/RN. 

Anúncios

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181. 

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*