Tebet e Soraya criticam fala de Bolsonaro sobre “imbrochável” no 7 de Setembro

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

As candidatas à Presidência Simone Tebet (MDB) e Soraya Thronicke (União Brasil) criticaram nesta quarta-feira (7) o coro de “imbrochável” puxado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) durante as comemorações do Bicentenário da Independência, em Brasília. O episódio ocorreu após o presidente falar da esposa, Michelle Bolsonaro, e compará-la às outras primeiras-damas.

Em uma publicação no Twitter, na qual cita uma reportagem sobre o coro, Tebet chamou o ato de “vergonhoso” e “patético”.

Anúncios

“No dia da Independência do Brasil, o presidente mostra todo seu desprezo pelas mulheres e sua masculinidade tóxica e infantil. Como brasileira e mulher, me sinto envergonhada e desrespeitada”, diz.

Anúncios

Segundo ela, o país é visto como um pária internacional devido à “falta de segurança e estabilidade política” e agora também se torna “motivo de chacota pelas falas machistas do seu líder, que deveria dar exemplo”. “O Brasil não merece o governo que tem!”, acrescenta.

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*