Vacina contra varíola dos macacos é liberada pela Anvisa

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou nesta quinta-feira 25 a importação da vacina contra a varíola dos macacos (monkeypox), produzida pela farmacêutica Bavarian Nordic, da Dinamarca, e adquirida pelo Ministério da Saúde.

Conforme decisão da última semana em que a agência autorizou a importação e o registro excepcionais de remédios e imunizantes contra doença, desde que aprovados por órgãos reguladores internacionais, a diretoria colegiada da Anvisa usou dados fornecidos pelo FDA (agência reguladora dos Estados), EMA (agência europeia) e do órgão regulador do Reino Unidos para aprovar a vacina que já é aplicada nesses países.

Anúncios

Segundo o Metrópoles, os fármacos ainda não têm registro junto ao órgão regulador. No entanto, devido à emergência internacional de saúde pública, a Anvisa autorizou a dispensa do registro, que foi solicitada pelo Ministério da Saúde no início desta semana.

Anúncios

A vacina é fabricada pela Bavarian Nordic A/S, fabricada na Dinamarca e Alemanha, e é indicada para adultos a partir dos 18 anos de idade. O prazo de validade é de 60 meses, se conservada entre -60°C e -40°C.

O Ministério da Saúde aguarda o envio de 50 mil doses da vacina, adquiridas pelo fundo rotatório da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). O imunizante, aplicado em dose dupla, será destinado a 25 mil profissionais de saúde que têm contato direto com o vírus. Não há previsão de vacinação da população geral.

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*