Saiba quem é o PM preso acusado de atirar em campeão mundial de jiu-jítsu

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

O delegado-geral da Polícia Civil de São Paulo, Osvaldo Nico Gonçalves, confirmou a prisão do policial militar Henrique Otávio Oliveira Velozo, neste domingo (7). Ele se apresentou à Corregedoria da Polícia Militar e será conduzido à delegacia, onde prestará depoimento. Em seguida, será encaminhado ao Presídio Romão Gomes, onde cumprirá prisão temporária de 30 dias e permanecerá à disposição da Justiça.

A notícia é da CNN Brasil. Henrique efetuou o disparo contra Leandro Lo, campeão mundial de jiu-jítsu, na noite do último sábado (6), quando ele saía de um show no Clube Sírio, em São Paulo.

Anúncios

Segundo informou a polícia à CNN, Lo teria sido provocado em meio a uma discussão. Em um primeiro momento, o lutador derrubou o PM, que então saiu do local e retornou atirando.

Anúncios

Além de dar os tiros, Henrique Velozo ainda chutou o lutador duas vezes, quando a vítima já estava desacordada no chão, e então deixou o local. Lo levou um tiro na cabeça e teve a morte cerebral decretada na manhã deste domingo (7).

O caso foi registrado como tentativa de homicídio pelo 16º DP (Vila Clementino), que apura os fatos por meio de inquérito policial, além de uma apuração administrativa para avaliar a conduta do policial.

Leandro Lo tinha 33 anos de idade e, além dos oito campeonatos mundiais, foi campeão nos torneios sul-americano, Copa Mundial e nos campeonatos pan-americano, brasileiro e europeu.

 

LEIA O ACONTENCIDO CLICK AQUI

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*