Comandante do Corpo de Bombeiros do RN nega “posição partidária” em caso da Havan

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Acompanhe Ao vivo Baixe o Aplicativo click na Imagem

Com a inauguração da Mega Loja da Havan em Natal impedida de acontecer neste sábado (24) devido a um embargo do Corpo de Bombeiros, o Comandante da corporação potiguar, Coronel Luiz Monteiro Júnior, emitiu um posicionamento sobre o assunto negando uma “posição partidária” como justificativa para a decisão. O órgão alega a falta de itens do sistema de segurança e vetou a abertura das portas para o público que aguardava.

Os bombeiros anunciaram coletiva neste sábado (24), para explicar o motivo da decisão. Justificativa não seria tão simples. O empresário e fundador da marca, Luciano Hang, ainda discursou para funcionários e depois para centenas de pessoas que aguardavam a abertura da loja criticando o Governo do Estado e relatou motivação política para a proibição do Corpo de Bombeiros.

Anúncios

O investimento no local foi de cerca de R$ 45 milhões. A nova loja foi construída numa área de 14 mil metros quadrados e conta com praça de alimentação, estacionamento gratuito, ambiente climatizado e mais de 350 mil produtos, dos quais 95% são produzidos por empresas nacionais, nos setores de cama, mesa e banho, tapetes, bazar, decoração, moda e eletroeletrônicos. A estimativa é que 200 empregos diretos foram gerados em Natal.

Anúncios

Acompanhe Nossa Pagina no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*