Polícia Federal investiga desvios de mais de R$ 70 milhões na saúde em Maricá RJ

EU TO GANHANDO COM O KWAY VEM VOCÊ TAMBÉM, VEJA COMO GANHAR DINHEIRO, COM MINHAS DICAS

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 27, a Operação Salus, que apura possíveis desvios de recursos públicos federais destinados à saúde do município de Maricá, no Rio de Janeiro.

A investigação considera pagamentos realizados a uma Organização Social de Saúde (OSS) contratada pela Prefeitura em fevereiro de 2020.

Anúncios

A apuração foi iniciada a partir do Relatório de Auditoria de Conformidade do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RJ), realizada na Secretaria Municipal de Saúde de Maricá, no ano de 2022.

Que trouxe indícios de crimes na execução de contrato de gestão.

Segundo auditoria realizada, o contrato ultrapassa o valor de R$ 600 milhões aumento de aproximadamente 151% do valor inicialmente celebrado de cerca de R$ 240 milhões.

A estimativa é de prejuízo de pelo menos R$ 71 milhões.

Nesta terça, cerca de 60 agentes federais cumprem 14 mandados de busca e apreensão.

Expedidos pela 2ª Vara Federal de Niterói, nos municípios de Maricá, Niterói e Rio de Janeiro.

Os alvos são pessoas físicas e jurídicas.

Além disso, a Justiça Federal impôs a suspensão do exercício das funções públicas de servidores municipais responsáveis pela execução.

Gestão e fiscalização das verbas públicas como medida cautelar alternativa à prisão.

A decisão busca otimizar a obtenção de provas e interromper a atuação de possíveis integrantes de organização criminosa.

Composta por servidores públicos, empresários, operadores financeiros e “laranjas”.

Os investigados podem responder por organização criminosa, peculato desvio e lavagem de dinheiro.

Sem prejuízo de eventuais outros crimes que possam surgir no decorrer da investigação.

ao vivo click aqui