Menos da metade dos negros e dos nordestinos concluiu o ensino médio

EU TO GANHANDO COM O KWAY VEM VOCÊ TAMBÉM, VEJA COMO GANHAR DINHEIRO, COM MINHAS DICAS

O relatório da Pnad Contínua: Educação 2023, divulgado nesta 6ª feira (22.mar.2024), mostra que só 48,3% da população negra no Brasil conseguiu concluir o ensino médio. Conforme o levantamento, a média para brancos é de 61,8%, enquanto a do país é de 54,5%.

No Nordeste, a distância do parâmetro nacional é ainda maior: só 45,6% completaram o ensino básico. O levantamento é realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) desde 2016 e utiliza dados coletados no 2º trimestre (abril a junho) de cada ano. Os dados de conclusão do ensino médio contemplam os brasileiros de 25 anos para cima.

Anúncios

Apesar da lacuna nesses grupos, o estudo aponta para uma tendência de inclusão na rede de ensino. Em 2022, 47% dos pretos e pardos tinham concluído o ensino básico –índice 1,3 ponto percentual menor do que o obtido em 2023. Já nos Estados nordestinos, a taxa anterior era de 44,1%. Em 2023, portanto, a região contou com acréscimo de 1,5 ponto percentual no acesso à educação básica.

A região Norte, por sua vez, passou a ter mais da metade da sua população formado com pelo menos o ensino médio. Em 2023, a taxa foi de 51%, contra 49,7% no ano anterior. No recorte por sexo, 56,3% das mulheres contam com o ensino médio completo. Entre os homens, esse percentual é de 52,4%.

ao vivo click aqui